sexta-feira, 5 de dezembro de 2008

In Memoriam - Fernando Pessoa

Hoje é a vez do heterónimo Ricardo Reis a pedido da Mana... ;)

"Vivem em nós inúmeros;
Se penso ou sinto, ignoro
Quem é que pensa ou sente.
Sou somente o lugar
Onde se sente ou pensa.

Tenho mais almas que uma.
Há mais eus do que eu mesmo.
Existo todavia
Indiferente a todos.
Faço-os calar: eu falo.

Os impulsos cruzados
Do que sinto ou não sinto
Disputam em quem sou.
Ignoro-os. Nada ditam
A quem me sei: eu escrevo."

"Uns, com os olhos postos no passado,
Vêem o que não vêem: outros, fitos
Os mesmos olhos no futuro, vêem
O que não pode ver-se.

Por que tão longe ir pôr o que está perto —
O dia real que vemos? No mesmo hausto
Em que vivemos, morreremos. Colhe
O dia, porque és ele."

8 comentários:

A mana ^^ disse...

*Comove-se* Ricardo Reis, na Perca *-*, só por isto Fernando Pessoa onde quer que esteja, está afirnar que valeu a pena escrever todo e qualquer poema, para poderem ser postados na perca ^^

* A mana faz uma vénia e agradece o tributo ao seu tão querido e estimado, Ricardo Reis *

P.S: Vou tentar desocupar-me para frequentar, uma vez por semana a Perca (Brincadeirinha muahaha)

*

XP disse...

Bem eu pesquisei um pouco antes de colocar qualquer comentário... mas mesmo assim acho que vou ferir susceptibilidades...mas enfim...

Fernando Pessoa um dos maiores poetas da língua portuguesa...acho que isso é indiscutível...

E tudo bem que ele levou ao extremo a sua poesia em comparação com a época em que a arte se fragmentava em várias tendências simultâneas.

Epá mas temos de ser francos inventar heterónimos não é lá muito normal … pelo qual digo é provável que ele sofresse de esquizofrenia, uma doença mental que se caracteriza por exemplo por alterações do pensamento, alucinações, delírios e alteração emocional com perda de contacto com a realidade entre outras.

E juntando umas bebidazinhas LOLOLOL temos a origem dos heterónimos!!!!!

fs1 disse...

para mim Pessoa era só mesmo genial.
embora infeliz.
embora assexuado.
;)

e sim, o meu favorito é também ricardo reis.

fs3 disse...

O meu favorito é o TODO, porque Pessoa não era cada uma das suas individualidades, Pessoa é um TODO tão complexo e brilhante que nenhum de nós lhe consegue acompanhar a genialidade...

Cara XP, não fere susceptibilidades, que cada um pensa por si, mas dê o benefício da dúvida, porque é da maior loucura que sai o mais belo...

Beijinho
(Temos de nos re-encontrar um dia destes LOL)

XP disse...

LOLOLOLOLOL
Vá lá não fui completamente atrocidada lolol qualquer das formas eu ate gosto dos poemas dele ... há um em particular com que eu deliro completamente mas infelizmente n sei dizer qual...
e realmente é verdade ve-lo como um todo só mesmo de genio para se conseguir desprender de cada um e criando individualidades distintas...

Contudo LOL não podemos descurar que provavelmente ele tivesse algum tipo de alteração mental... o que não é de todo descabido ate porque se pensarmos um pouco alguns dos maiores genios tinham deficits a vários niveis como a nivel social, emocional entre outros...
E concordo que Louco=Fascinio

Bjs
Re-encontro optima ideia e já agora aqui fica uma sugestão (e eu não sou disto mas cá vai)... e que tal combinar algo para os anos ou algo semelhante deste blog?? aqui fica a sugestão lolololol

A mana ^^ disse...

Como eu diria, por mim Pessoa, poderia ter sido: génio, louco, assexuado, infeliz, esquizofrénico. Poderia ter sido tudo isto, ou nada disto.
Poderia ter sido todas as pessoas que descreveu, ou poderia não ter sido nenhuma delas.


Afinal também eu posso as pessoas que eu quiser , e porque não?
Afinal também eu sou louca de tantos modos basta querer.

Eu continuo a achar que ele foi simplesmente brilhante como Pessoa, como Reis, como Caeiro, como Soares e como Campos.
Continuo a achar que ele foi Brilhatemente magnífico como um Todo! (Como disse a Fs3).

E quem disser o contrário, bem só tenho uma palavrinha: Morra!

P.s: Não aqui ninguém fere susceptibilidades, só eu mesmo!
Beijos*

fs1 disse...

sim, embora os poemas de reis me toquem particularmente, pessoa é um todo.
pessoa só é ele próprio na soma de todas as suas fragmentações. todos os seus eu's. todas as suas apreensões da realidade :)

fs2 disse...

Caríssimas,

Vamos então por partes:
1) Querem convívios? Pois bem... Temos cafés, temos jantares e temos... corridas. Dá para tudo!
2) Pessoa era Gémeos. Pessoa seria eventualmente esquizofrénico. Agora entendam lá isto: segundo a Psicologia da Gestalt, o todo é maior que a soma das suas partes. Portanto, e seguindo a perspectiva holística, não dilacerem o homem desta maneira. Todos os seus fragmentos constituem um todo uno e coerente. Já viram a maravilha deste paradoxo? Ser prolixo e constituir um todo concomitantemente? (fs3 esta é para nós! :P)
3) Ainda pela Psicologia aprende-se o conceito de sinergia associado à equação 1+1 = 3. Ou seja, a combinação das partes gera uma solução superior à das partes em separado. Temos então que:
Pessoa + (FS's+ Visitantes) = PERCA

Tenho dito ;)*

 

a perca © 2008. Chaotic Soul :: Converted by Randomness